Artigos


Contabilidade, Startups e Shark Tanks

“Contabilidade e finanças são a linguagem do negócio"

Muitas empresas e empreendedores dizem: “Não gosto de contabilidade e não gosto de números”. Quase como se estivessem a dizer para arranjarmos alguém para esse trabalho.

Infelizmente, este é o cenário que mostra o descaso de um grande número de startups em relação a qualquer operação que diz respeito à contabilidade. Nos referimos aqui ao instrumento gerencial inteligente, ao cálculo correto dos impostos – itens determinantes no cálculo das margens, fluxo de caixa e todo este lado gerencial, que é de extrema importância.

Apesar de admitir a própria falta de gosto pela parte financeira de forma irônica – “Não gosto de contabilidade, nem sequer do meu contador. É um tipo simpático, mas não quero falar com ele” – Robert Herjavec, o investidor e apresentador do programa ‘Shark Tank’, garante que é uma área crucial para o sucesso empresarial - “Se não conhecem os números da sua própria empresa, vão falir”.

A CNN também afirma: “Contabilidade e finanças são a linguagem do negócio. Todos os empresários têm de estar confortáveis com isso.”.
Muitas vezes, o problema nem é a qualidade do trabalho realizado, e sim sua completa ausência. O novo empresário trabalha muito porem de forma desordenada e desorganizada. A G.Jacintho atende a vários novos empresários de todas as categorias e tamanhos, e a maioria apresenta o mesmo problema: não têm o menor controle contábil.

Em princípio é até possível pensar que este seja um fenômeno brasileiro, principalmente se considerarmos a nossa já famosa burocracia, imposto alto, etc. – tudo o que dizem sobre o tal custo Brasil – nenhuma surpresa aqui. No entanto, este problema também é recorrente nos Estados Unidos, Europa, Japão, bem como no resto do mundo.

Para quem não conhece, o programa de televisão Shark Tank é um reality show que funciona praticamente como uma incubadora, ou melhor, prateleira para startups. Ou seja, seu negócio é avaliado por investidores e empresários (Sharks), e surpreendentemente, um dos maiores problemas identificados é a falta da gestão contábil.

Enfim, já que levantamos um problema, devemos também apresentar uma solução, que é até bem simples. Não precisa gostar de contabilidade, nem de seu contador, basta apenas saber que são necessários.
Este problema é comum a novos empreendedores, portanto, sugerimos que façam pelo menos uma reunião de planejamento com seus contadores. A partir daí é possível avaliarmos o investimento necessário, um sistema de gestão (ERP) adequado, qual é a carga tributária aplicável... em outras palavras, ter um planejamento mínimo.

Por Gabriel de Carvalho Jacintho, administrador e contador






+ LIDAS

Decisões com números são melhores

Juros altos exigem mais eficiência

Compliance tributário: as novas tecnologias

Quanto menos corrupção melhor

Vantangens da energia a carvão








ANEFAC Congresso ANEFAC Troféu Transparência Profissional do Ano Pesquisa de Juros Associe-se Contato
São Paulo

(11) 2808-3200

Rua 7 de Abril, nº 125 - Cj. 405 - 4º andar - República
São Paulo - 01043-000


eventos@anefac.com.br
Rio de Janeiro

 (11) 2808-3200




eventosrj@anefac.com.br
Campinas

(11) 2808-3200




eventoscamp@anefac.com.br
Curitiba

 (11) 2808-3200




curitiba@anefac.com.br
Salvador

 (11) 2808-3200




eventossalvador@anefac.com.br

© ANEFAC. Todo o conteúdo deste site é de uso exclusivo da ANEFAC. Proibida reprodução ou utilização a qualquer título, sob as penas da lei. All rights reserved. Site desenvolvido por Acessa Brasil Internet